Evangelho DominicalVersículos Bíblicos
 
 
 
 
 

126. Maria

Ler do Início
04.08.2022 | 1 minutos de leitura
Pe. Valmir Andrade dos Santos – PODP.
Diversos
126. Maria
Hoje em dia, colocamos nomes arbitrariamente nas pessoas. Qualquer nome serve para qualquer pessoa, basta a gente gostar da sonoridade da palavra. A escolha, geralmente, depende do som que agrada ou não aos ouvidos. Entretanto, para o judeu não era assim, pois o nome exprime as características marcantes da pessoa, o que a pessoa era no íntimo do seu ser. Sendo assim, podemos dizer que os nomes possuíam uma mística. Por isso, o nome Maria merece uma atenção especial, pois ele comunica um dado teológico bastante importante.
O significado etimológico se harmoniza e se estabelece com uma promessa do que Maria iria traduzir e mostrar em sua singularidade, o fato de ser amada e querida por Deus. O nome da jovem que será a mãe do Salvador é Mýriam.
O nome Maria pode ter várias explicações. Uma explicação plausível é composição de duas raízes: uma egípcias e outra hebraica. Myr, em egípcio, significa amada; e Yan constitui uma das abreviações para Javé, no hebraico. O nome Maria, então, significaria: “A bem amada de Deus”. Existem outras etimologias que são fruto da devoção e da piedade popular, cujo grau de persuasão é menor. 
Para Maria, vale o refrão dos latinos, “Nomen est omen”, que significa: “o nome é o verdadeiro sinal da coisa”. Zé Vicente cantou: “Como é bonito teu nome ó Maria, cantando a vida, quanta alegria”. 

PUBLICIDADE
  •  
  •  
  •  
  •